Táxi comum e Uber

Táxi comum e Uber: qual a melhor opção para cadeirantes?

Qual a resposta? Depende! O Uber leva vantagem na maior parte das vezes tanto pelo preço quanto pela cordialidade dos motoristas. Nunca vi um motorista de Uber fazer cara feia para cadeira de rodas, mas com os táxis é frequente. Por outro lado, apenas os aplicativos de táxi (99taxis, EasyTaxi etc.) permitem que você escolha um carro com mala grande, o que pode ser importante. Outra vantagem do táxi é que a maior parte dos motoristas conhece bem o Rio de Janeiro, então se você vai para algum lugar e não conhece o caminho, o táxi pode ser a melhor opção. Abaixo um resumo dos dois serviços.

 

Uber:

É o transporte que mais uso hoje em dia quando não posso usar o metrô. Custa até metade do preço de um táxi, é seguro e os motoristas nunca reclamaram sobre levar a cadeira de rodas. No caso do Uber X, muitas vezes os carros possuem pequenos porta-malas e, se você for pegá-lo com 3 ou mais pessoas, é melhor solicitar um Uber Black que normalmente utiliza carros com porta-malas maiores.

Táxi:

O serviço melhorou com a concorrência do Uber, mas continua com alguns problemas. Pode ser uma opção melhor quando você estiver com bastante bagagem ou sua cadeira for grande, pois há a possibilidade de escolher um carro maior na rua ou mesmo pelos aplicativos de táxis. Recomendo fortemente usar um aplicativo como o 99taxis ou EasyTaxi. São mais seguros, é possível escolher táxis com porta-malas grande e dão descontos que variam de 30% a 50% no valor da corrida. Se não usar os aplicativos, ok, mas respeite a única regra de ouro: NUNCA PEGUE UM TÁXI QUE NÃO PERTENCE À UMA COOPERATIVA, pois a chance de levar um golpe é bem maior. É fácil identificar os táxis de cooperativa, pois eles possuem o nome e o telefone da cooperativa ao lado.